noticias


01/02/2018 - CNH Industrial volta ao lucro em 2017
 

O Grupo CNH Industrial reverte o prejuízo de US$ 249 milhões registrado em 2016 ao apurar lucro líquido de US$ 313 milhões no fechamento de 2017, ou US$ 0,22 por ação. Em comunicado informa que o lucro ajustado ficou em US$ 699 milhões, aumento de 39% sobre o resultado do ano anterior. O faturamento cresceu 10% na mesma base de comparação, para um total de US$ 27,3 bilhões. A empresa reúne as marcas Case, New Holland, Iveco, Magirus, Steyr e FPT, fabricantes de veículos comerciais, máquinas agrícolas, de construção e motores.

A empresa conseguiu encerrar o ano com resultado positivo apesar do prejuízo líquido de US$ 40 milhões registrado no último trimestre, embora a receita do período tenha aumentado 15,8% na somatória dos últimos três meses, para US$ 8,1 bilhões.

As operações industriais renderam ao grupo faturamento 10% maior em 2017, ao somar US$ 26,1 bilhões, com lucro operacional 5,8% maior, para US$ 1,51 bilhão. Serviços financeiros também apresentaram receita positiva, com alta de 1,3% e US$ 1,62 bilhão e lucro operacional estável em US$ 479 milhões.

Por segmento, a receita líquida de máquinas agrícolas aumentou 10% no ano, para US$ 11,1 bilhões, graças ao crescimento das vendas em todas as regiões do mundo, exceto na América do Norte. Com US$ 949 milhões, o lucro operacional teve incremento de 16%.

Equipamentos e máquinas de construção registraram faturamento líquido 14% maior em 2017, ao apurar US$ 262 milhões, também devido ao maior volume de vendas nas Américas e Ásia, além de melhores condições em política de preços nas Américas do Norte e do Sul. O lucro operacional aumentou expressivamente, passando de US$ 2 milhões (2016) para US$ 21 milhões em 2017.

Em veículos comerciais, as vendas líquidas se elevaram em 9%, para US$ 10,4 bilhões, com maior volume de negócios tanto de caminhões quanto ônibus na EMEA, além de maior volume e mix na Ádia-Pacífico e recuperação de vendas de caminhões na América Latina, principalmente na Argentina. Apesar disso, o lucro operacional caiu 18,3%, de US$ 333 milhões para US$ 272 milhões.

A divisão de powertrain encerrou o ano com receita de US$ 4,27 bilhões, quase 18% acima do registrado em um ano antes, quando o resultado foi de US$ 3,70 bilhões. O lucro operacional subiu 56%, de US$ 232 milhões para US$ 362 milhões.


FONTE: Automotive 
Business.



Comentários


Nenhum comentário no momento!



Cadastre o seu comentário
 
Titulo:
Nome:
Email:
 
Comentário

(0 / 1000)
Receber comentários por email:
 
 



Voltar

 


RH AUTOMOTIVE
contato@rhautomotive.com.br (11) 2384-1036 | (11) 3777-3906
RH AUTOMOTIVE - todos os direitos reservados | Desenvolvimento