noticias


19/08/2013 -
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Depois de médicos, Dilma estuda importar engenheiros
 
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d

Para ministros, medida poderia melhorar andamento de obras, impulsionar crescimento econômico e ajudar nos planos de reeleição da presidente

José Cruz/ABr

A presidente Dilma Rousseff

A presidente Dilma Rousseff

Brasília - A presidente Dilma Rousseff já está estudando um modo de facilitar a vinda de engenheiros estrangeiros para trabalhar no Brasil, assim como fez com profissionais da área da saúde, no Programa Mais Médicos. Alguns ministros do chamado "núcleo duro" do governo estão tentando provar para a petista que a medida ajudaria a solucionar um dos problemas que atravancam o andamento de obras e o repasse de verba federal para municípios.

Hoje, faltam nas prefeituras especialistas dispostos a trabalhar na elaboração de projetos básico e executivo, fundamentais para que a cidade possa receber recursos da União.

As travas no repasse de dinheiro já foram identificadas por Dilma como um dos obstáculos para que o Executivo consiga impulsionar o crescimento econômico e acelerar obras de infraestrutura - dois gargalos que poderão custar caro para a candidatura à reeleição.

O governo já investe hoje no estágio e na especialização de engenheiros brasileiros no exterior com o Ciência Sem Fronteiras, programa comandado pelos ministérios da Ciência e Tecnologia e da Educação. Mas a ideia estudada no Palácio do Planalto é ir além, aproveitando os profissionais de fora já prontos, para que tragam expertise e preencham lacunas em regiões hoje desprezadas pelos brasileiros. A proposta inicial é importar especialmente mão de obra de nações que enfrentam crise econômica e têm idiomas afins, como Portugal e Espanha.

O plano ainda está em estágio embrionário e setores técnicos do governo ainda não foram comunicados sobre a ideia. O ministro da Secretaria de Assuntos Estratégicos, Marcelo Neri, acredita que o Mais Médicos pode até servir como uma experiência piloto. Entretanto, aposta mais na eficiência do Ciência Sem Fronteiras. "O ideal não é ter mais, porém melhores engenheiros dispostos a trabalhar em áreas carentes desses profissionais."

Para se ter uma ideia, o Maranhão é hoje o Estado brasileiro que menos abriga empregados da área de engenharia. De acordo com dados do IBGE de 2010, a média é de 1.265 habitantes por engenheiro em todo Maranhão, seguido pelo Piauí (1.197 habitantes por engenheiro) e Roraima (1.023 habitantes por engenheiro). São Paulo é o que mais concentra esse tipo de profissional (148 habitantes por engenheiro).

?Presente de grego?. Na gestão anterior, o ex-presidente Lula afirmou ter dinheiro em caixa para investir, fez um chamamento aos prefeitos pedindo para que eles encaminhassem a Brasília projetos executivos assinados por engenheiros para que a União pudesse repassar dinheiro para as prefeituras. Dilma também vem reivindicando a mesma iniciativa. Mas há gestores municipais que consideram os programas de transferência voluntária de renda federal um "presente de grego".

Para o presidente da Confederação Nacional dos Municípios (CNM), Paulo Ziulkoski, a falta de engenheiros é apenas uma das dificuldades para que os municípios recebam investimentos federais. "Além da dificuldade em formar um quadro com engenheiro civil, mecânico e agrônomo, a demora na liberação de licença ambiental e a dificuldade para comprovar a propriedade de um terreno também atrapalham muito", avalia Ziulkoski.

Outro imbróglio que ele aponta é a falta de dinheiro para a "contrapartida". Segundo ele, no caso do Bolsa Família, por exemplo, cabe ao município manter atualizado o cadastro dos beneficiários, checar quem morreu, quem arrumou emprego, as crianças que estão na escola. "Tudo tem um custo, é um presente de grego", afirma. "Eu sou o primeiro a dizer aos prefeitos que nem mandem projetos, porque eles nem conseguem manter os que já têm. Só que os 4.100 novos eleitos ainda estão sonhando, achando que podem fazer muita coisa."

Imigração. A Secretaria de Assuntos Estratégicos está conduzindo um projeto para estimular a entrada de mão de obra estrangeira qualificada em território nacional. Segundo dados de 2010 compilados pela SAE, o número de imigrantes de primeira geração que vive hoje no Brasil representa 0,3% da população (cerca de 600 mil pessoas), diante da média mundial de 3%. A pesquisa cita que "países altamente desenvolvidos como Suíça, Nova Zelândia, Austrália e Canadá possuem mais de 20% da população formada por imigrantes". As informações são do jornal O Estado de S.Paulo

Fonte Exame



Comentários


19/8/2013 22:05:43
Titulo: Vergonha nacional
Nome: Marcio
Email: delgadorogerio@hotmail.com

fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
O Sra, porque voce importa deputados ,senadores ,parlamentares de paizes e trás tbm suas leis que quando se roubam do povo eles fazem justiça com as proprias mão cortando as mão fora para nunca mais roubar ou mexer no que não lhe diz respeito ou seja dinheiro publico , dinheiro este para se reverter em beneficios há população e não estadio para bacana vir passear de ferias;bando de corrupto do c........ .




20/8/2013 11:37:15
Titulo: Gerente da Qualidade
Nome: Maicow Machado
Email: maicowma@ig.com.br

fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Concordo que isto será um presente de grego, no mais médico existe muitos médicos ganhando valores altos, sendo assim, pode se pagar um valor alto que os estrangeiros virão, mas na Eng hoje os profissionais não conseguem comprar uma casa própria com o salário que se paga, os municípios pagam mal, se lançarem algo assim terá que ser por salários altos, pois nenhum estrangeiro irá vir para o Brasil por R$3.500,00 (mínimo para o sindicato) que hoje se paga em média para um Eng recém formado. Mas se fizerem salários altos com benefícios (R$ 10.000,00) em primeira instância ocorrerá uma debandada de profissionais para a rede pública, mas a longo prazo os Municípios não conseguiram pagar.




21/8/2013 08:08:31
Titulo: Engenheiro Mecânico
Nome: João José Augusto Mendes
Email: jjamendes@uol.com.br

fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
As prefeituras tem muito engenheiro, só que preferem morder o contribuinte ao invés de trabalhar, são os fiscais que tem um padrão de vida acima do que ganham e o poste do Lula fiou de fazer uma investigação que até agora foi só fogo fátuo. O Maranhão é o estados dos Sarney e lá só se investe se a família desse caudilho deixar, pois quanto mais mantiver seu povo na ignorância mais se manterão no poder.




24/8/2013 12:40:53
Titulo: só faltava essa
Nome: FLAVIA CAVALCANTE SOUTO
Email: flavia-souto@hotmail.com

fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Só faltava essa. Dilma não será reeleita nunca. Ela tem que lutar para que a população não a retire do poder antes dos 4 anos.




23/8/2013 08:04:28
Titulo: Falta de engenheiros???
Nome: Rafael Pulido
Email: rafipsd@gmail.com

fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Ninguém me convence que falta engenheiros no país, sou engenheiro de produção, estou terminando minha segunda graduação em engenharia mecânica. Tenho prática em softwares de projetos, análises de elementos finitos sem contar em ferramentas da qualidade. Trabalho na ind. de móveis a 11 anos e quero mudar de segmento. Mesmo não eu não ter trabalhada em outra indústria tem bastante experiência em desenvolvimento de produtos, análise estrutural etc... Encaminho meu curriculo para varias vagas e nem para entrevista sou chamado. Se existe mesmo esta falta de profissionais, acho que as empresas que selecionam deveriam se profissionalizar melhor e parar de ficar escrevendo como se deve elaborar um curriculo, que ao meu ver é só para isso que serve, ou então tenho que virar bidu para adivinhar qual o tipo de filtro que cada uma usa para poder concorrer a alguma vaga.




26/8/2013 21:06:51
Titulo: O BRASIL
Nome: Jose Luiz Tomaz
Email: joseluiztomaz@city10.com.br

fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Ja que a DILMA esta trazendo engenheiro e medicos deveria tambem governadores , um presidente , prefeito ,ministros , politicos que roubam nenos dinheiro do povo




23/8/2013 08:10:17
Titulo: Importar...
Nome: Eduardo Nakamura
Email: dinho.nakamura@gmail.com

fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
DEVEM IMPORTAR PRESIDENTES ONDE A CORRUPÇÃO É PENA DE MORTE.




09/09/2013 10:16:13
Titulo: desgraçada
Nome: weslley
Email: weslley.rogoza@hotmail.com

fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
ao invés de investir na classe pobre do brasil ajudando com estudo a desgraçada vai empregar os gringos é foda




23/8/2013 22:28:09
Titulo: Gerente e engenherio industrial
Nome: João Carlos do Nascimento
Email: consultoria_egp_jcn@yahoo.com.br

fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Porque importar engenheiros sendo que no Brasil existe muitos engenheiros capacitados para criar, desenvolver e alavancar este pais, estão brincando com nossas inteligências, eles acham que sabem administrar, o visto esta a nossas vistas, deveriam criar um plano para aproveitar a grande mão de obra de engenheiros neste pais, sei que ainda falta profissionais, e porque não fazer uma divisão e distribuir engenheiros por este pais mas e claro não com um salário de um soldador R$ 3.500, 00 de piso e vergonha, o que o médico deste pais pode contribuir de melhor que os engenheiros , acho que esta faltando inteligência das autoridades , hoje médicos, amanha técnicos, depois TI, onde vamos parar.




02/09/2013 08:25:58
Titulo: BLABLABLA
Nome: Gilmar
Email: gilmarmc@gmail.com

fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Senhores e senhoras engenheiros, Em vez de ficarmos reclamando se a Dilma vai ou nao trazer engenheiros de fora, vamos nos capacitar, estudar mais, fazer nossas pos graduacoes, etc. O que vejo no mercado sao engenheiros cada vez piores, formados em faculdades em algumas vezes a distancia. Realmente é dificil entrar no mercado de trabalho, ja passei por isso, mais hoje estou bem empregado mais sofri muito no começo. Outra coisa que o povo acaba de formar e quer sair ganhando 10 mil por mes. Acorda povo, mostra serviço promeiro e depois pleita salario.




25/8/2013 20:23:12
Titulo: ENG DE PRODUÇÃO
Nome: alexandre rodrigues pedrosa
Email: arodrigues7000@gmail.com

fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
CONCORDO QUE A DILMA TRAGA ESTRANGEIRO PARA O BRASIL, COM ISSO OS QUE GANHÃO MUITO DINHEIRO,MEDICOS E CLINICA PARTICULAR, E NÃO COMPARESSE EM SEUS DEVIDOS PLANTÕES FAZENDO QUE A POPULAÇÃO DE BAIXA RENDA SOFRA, COM MAIS PROFISSIONAIS, ENGENHEIRO OU OUTROS,PODERÁ PRIMEIRAMENTE DAR A QUEM PRECISA UM BOM SERVIÇO, SEGUNDO EQUALIZAR OS SALIRIOS, TERCEIRO INDENTIFICAR E TIRA OS QUE NÃO QUEREM TRABALHAR, QUARTO FAZER COM OS QUE QUEREM SE ESPECIALIZAR CADA VEZ MAIS, ELEVANDO A QUALIDADE DOS SERVIÇOS E COM SERTESA TRARA UMA POPULAÇÃO SARTIFEITA MAIS DISPOSTA A TRABALHAR, ESTUDAR,SE PROFISSIONALIZAR,GERA CONTRIBUIÇÃO PARA QUE O GOVERNO POSSA ALAVANCAR SEUS PROJETOS DE MELHORIA CONSTANTE, É FATO QUE EM ALGUS PROCESSO DE MELHORIA VAI SE EXISTIR PESSOAS CREIO QUE POSSO CHAMAR DE PESSOAS QUE TEM INTERESSE PRIMEIRO PESSOAL E SEGUNDO DE DEIXAR UMA PARTE DA POPULOÇÃO LEIGA PARA DESVIAR DINHEIRO DO GOVERNO EM SERVIÇOS DE FAIXADA DESMORALIZANDO QUALQUER LIDER NOSSA FUNÇÃO COMO CONTRIBUINTE É FISCALIZAR.




31/08/2013 15:58:05
Titulo: Administardor de Empresa .
Nome: Cleantes Fonseca Saores
Email: cleantes2013@bol.com.br

fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Acho que a Dilma ,deveria importar políticos "honestos " que tenha senso de cidadania. Que sejam justos nas decisões, isentos de partidos políticos . Isso que precisamos dona Dilma!






Cadastre o seu comentário
 
Titulo:
Nome:
Email:
 
Comentário

(0 / 1000)
Receber comentários por email:
 
 



Voltar

 


RH AUTOMOTIVE
contato@rhautomotive.com.br (11) 9-9208-9621 (WhatsApp) | (11) 3777-3906
RH AUTOMOTIVE - todos os direitos reservados | Desenvolvimento