noticias


03/10/2013 -
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Indústria automotiva atrai para o RJ investimentos de R$ 300 milhões
 
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d

Seis fábricas de autopeças confirmaram instalação em Resende.
'Estado deverá ser o segundo maior polo automotivo do país', diz secretário.

A nova fábrica da Nissan, que será construída em Resende, na região do Médio Paraíba do estado do Rio, deve atrair cerca de 30 empresas de autopeças para o estado. Seis fornecedores da montadora já confirmaram investimentos. Ao todo, são quase R$ 300 milhões em recursos das japonesas Mitsui Steel (bobinas de aço), Yorozu (suspensão), Tachi-S (bancos), Kinugawa Rubber (tiras para vedação de portas) e CalsonicKansei (escapamento), e da francesa Faurecia (parte interna das portas).

O pacote de investimentos foi anunciado pelo secretário de Desenvolvimento Econômico, Julio Bueno, que participou de seminário sobre oportunidades do mercado automotivo brasileiro, em Tóquio, no Japão. A palestra reuniu cerca de 200 potenciais investidores no estado.

"Eles estão muito interessados em conhecer o mercado brasileiro, em especial o do Rio de Janeiro, que está crescendo e deverá ser o segundo maior polo automotivo do país a partir do início das operações da fábrica da Nissan em 2015", afirmou o secretário.

A Nissan importa a maioria dos veículos que coloca no mercado brasileiro e, com investimento de R$ 2,6 bilhões, a fábrica em Resende deverá produzir 200 mil veículos por ano, gerando dois mil empregos diretos, informou o secretário. Outros dois mil empregos indiretos devem ser gerados com a instalação de fornecedores no entorno da unidade - mais da metade já foi anunciada pelos primeiros seis fornecedores que decidiram se instalar no estado, no rastro aberto pela montadora japonesa.

Recursos do setor somam R$ 6 bilhões até 2014
Segundo o estudo Decisão Rio 2012-2014, da Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro (Firjan), estão previstos investimentos de R$ 211,5 bilhões no estado nos próximos dois anos - 19% desse total vêm da indústria de transformação.

Apenas o setor automotivo somará R$ 6 bilhões em investimentos neste período. Além da Nissan, segundo o secretário, movimentarão a economia fluminense a duplicação da fábrica da Peugeot-Citröen, em Porto Real e a ampliação da fábrica de caminhões da MAN-VW, em Resende, cidades do Sul Fluminense, e a instalação de uma nova unidade de produção de ônibus, a Neobus, em Três Rios, no Centro-Sul Fluminense.

"O Rio de Janeiro vive um excelente ciclo de desenvolvimento, e o setor automotivo está contribuindo para diversificar a economia do estado, historicamente focada no petróleo e na indústria naval. Esses novos investimentos, além de gerar empregos, contribuem para melhoria na renda, já que exigem profissionais qualificados",  disse Julio Bueno.

Fonte: Globo.com



Comentários


Nenhum comentário no momento!



Cadastre o seu comentário
 
Titulo:
Nome:
Email:
 
Comentário

(0 / 1000)
Receber comentários por email:
 
 



Voltar

 


RH AUTOMOTIVE
contato@rhautomotive.com.br (11) 9-9208-9621 (WhatsApp) | (11) 3777-3906
RH AUTOMOTIVE - todos os direitos reservados | Desenvolvimento